I Fórum Nacional: Paisagem & Modernidade

abril 29, 2022 - abril 29, 2022

8:00AM - 18:00PM

29 ABRIL, 2022

EVENTO ENCERRADO
https://www.even3.com.br/iforumpaisagemoderna/

Nos últimos anos, a necessidade de conservação do patrimônio paisagístico tem se tornado uma grande questão nacional. Ao longo do Século XX, muitos espaços paisagísticos foram concebidos e construídos, no intento de qualificar o ambiente cultural da paisagem brasileira e beneficiar a vida social. Dentre os importantes atores responsáveis por esta missão, tem-se a contribuição fundamental do paisagista Roberto Burle Marx, e o crescente reconhecimento de sua obra em diversas instâncias.

As obras paisagísticas modernas são importantes não apenas como lugares para se viver e conviver, são documentos vivos de nossa história, memória e cultura. Na preservação destes bens culturais e sua elevação à condição de Monumento Vivo ou Paisagem Cultural, a escolha é baseada em critérios específicos, mas, sua conservação envolve peculiaridades muito próprias, cujos encaminhamentos precisam ser divulgados e debatidos.

Diante da alta perecividade de sua matéria e do risco de perda de suas características, reside a premência de salvaguardar nossa herança cultural paisagística, atrelada ao reconhecimento e atribuição de valor, e perspectivas para sua gestão e monitoramento. Este importante movimento inclui não só aspectos culturais, como também naturais que agem direta ou indiretamente sobre estes bens, tais como a qualidade do ar, da água, da terra e a vida das espécies biológicas. Praças, parques, jardins são particularmente vulneráveis, e alguns estão sendo sacrificados em benefício de empreendimentos maiores, de novas avenidas, shopping centers, ou estacionamentos.

É importante questionar como temos decidido quais obras merecem ser preservadas em nossas paisagens culturais. O que está perdido e o que está destinado a mudar pode capturar o interesse do público? Como agentes e especialistas do patrimônio podem engajar a participação pública de forma mais efetiva? Ao gerir a mudança, como é decidido o que é retido ou alterado? Como estão sendo procedidos os planos para a gestão da conservação de sítios reconhecidos como Patrimônio Mundial e jardins históricos? E como tem sido feito o monitoramento destes bens culturais?

A partir destas premissas, o Docomomo Brasil promove o 1º Fórum de Debates acerca da Conservação da Paisagem Moderna Brasileira, reunindo especialistas do campo do patrimônio de todo o território nacional.

Alda de Azevedo Ferreira
Docomomo Brasil; Icomos Brasil; CIPA Heritage-
Documentation

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.